domingo, 3 de novembro de 2013

Repelentes Naturais para ambientes!

Olá pessoal, verão voltando, e junto com ele os indesejáveis mosquitos, e por isso, para ajudar a acabar com essa agonia vou postar mais algumas dicas para espantar esses malditos.

Use cascas de laranja para espantar os mosquitos!

Poderão ser usadas tambem, cascas de tangerina, bergamota,  (ou mixirica conforme chamamos na minha terra. rsrsr...)

Uma casca de laranja comum que contém vários elementos como o ácido cítrico que é usado na conservação de alimentos e também para afastar mosquitos. Além de afastar mesmo, a maioria dos mosquitos e pernilongos, deixa um suave aroma de laranja no ambiente e a certeza de que você não está colocando nenhum componente químico artificial no ar de sua casa.

É só pegar um aparelho elétrico, usar seu refil velho e gasto, como molde e fazer um novo .
E também pode se acrescentar cravos, que além de perfumar mais o ambiente, são excelentes repelentes…

Evite deixar esses aparelhos ligados quando não estiver ninguém por perto…

Mas cuidado: deixe ligado no ambiente quando estiver alguem por perto. Não convem vacilar, porque o aparelho ligado na tomada poderá causar um incêndio. Tudo pode acontecer, porque os tempos estão maus. Vemos tantos acidentes acontecerem por nada, que todo cuidado é pouco quando se trata da segurança da nossa casa, nossos amados e nossa vida.  (Fonte: Biossustentável).
 
Para a hora das refeições:

Outra sugestão maravilhosa, que poderá ser usada para espantar os mosquitos, moscas e afins, alem de decorar a sua mesa, numa refeição, e o seguinte:

Corte laranjas ao meio.
Retire a polpa, deixando a casaca inteira e bem limpinha.
 Coloque aquelas velinhas no seu interior.
  Na outra parte, faça uma abertura e coloque cravos ao redor.
Acenda a vela e tampe o seu castiçal.
 Você terá uma bela decoração, útil e agradável. 
E os "indesejáveis" não rondarão o ambiente.



Outra sugestão muito interessante é a de envolver com uma casca de laranja, um molho de manjericão (bem fresquinho). 
E na decoração da sua mesa, ele poderá fazer as vezes de um porta guardanapo, ou seja, colocado sobre o guardanapo.  Ao ser usado sobre o colo, o ramo de laranja e manjericão serão colocados ao lado do prato, e o enfeite fará as vezes de um repelente de moscas.
Para um churrasco é maravilhosa esta sugestão. 
Eu particularmente uso muito colocando em vasinhos de vidro pequenos, ou jarrinhas, um molho de manjericão, e o mais interessante é que eles permanecem por muitos dias nesta água, criam raizes, e eu vou usando na comida.

O aroma espalhado pelo ambiente em nada compromete o olfato e sabor dos alimentos apresentados.

segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Momento a parte / Extra momment



Vai aqui, uma pequena reflexão, ja que estamos neste clima de dia das crianças, nada mais justo né?

"Você já parou para pensar que tu em sua volta e ate você mesmo ai, são crianças? Pense, todo esse mundão foi feitos por crianças, crianças essas que desenvolveram habilidades, diferentes talvez, mas que juntas completam essa sociedade que temos e esse mundo que vivemos.
Parece ate estranho, mas perceba que ate o homem mais poderoso do universo, é a p e n a s e simplesmente, uma criança. Então, assim as crianças agem, aja também, seja amigo, companheiro, vá ate o fim, persista, e jamais, jamais desista dos seus sonhos."

Campanha Sacolas sustentáveis

Entre no clima da sustentabilidade!

Mais resistentes e ecologicamente corretas, as sacolas sustentáveis tornam-se mais uma alternativa viável para a preservação do meio ambiente por serem biodegradáveis.
Mais de 100 anos. Este é o tempo que uma tradicional sacolinha de mercado leva para se decompor no meio ambiente. O número assusta ainda mais quando paramos para pensar na quantidade de sacolas plásticas produzidas que são distribuídas em supermercados, utilizadas para armazenar lixo e tantas outras utilidades às quais estamos acostumados.

A exemplo de alguns países no mundo, o Brasil foi mais um a aderir a proibição da distribuição de sacolas plásticas nos estabelecimentos. Parte dos estados do país já tiveram seus projetos de lei aprovados, com a lei entrando em vigor no ano que vem, porém, os estabelecimentos têm que se adequar desde já.

Para conscientizar as pessoas, a alternativa encontrada foi estimular o uso de sacolas sustentáveis, pois além de serem mais resistentes, são reutilizáveis e sua decomposição é mais rápida do que as sacolas plásticas tradicionais.

As sacolas sustentáveis geralmente são feitas de tecido pet ou algodão cru, o que garante sua durabilidade, resistência e reutilização. Tomando as devidas precauções quanto a seu uso, uma mesma sacola retornável pode durar aproximadamente três anos.

Sabão feito com Óleo de Cozinha

Você sabia que a reutilização excessiva do óleo de cozinha utilizado para fritar alimentos produz elementos tóxicos que podem causar doenças degenerativas, cardiovasculares e envelhecimento precoce?
É verdade. Além disso, se você jogar este mesmo óleo na pia ou no ralo, você estará contaminando aproximadamente 1000 litros de água potável dos lençóis freáticos -por gota de óleo descartado. Assustador, não é? Mas então, o que fazer com o óleo de cozinha utilizado?
Você pode reciclá-lo de uma maneira muito simples, eficiente e ecológica, transformando-o em sabão caseiro. Este sabão é biodegradável, ou seja, ele se decompõe por bactérias depois de usado, não causando nenhum dano ao meio ambiente.


Para preparar o sabão, siga os seguintes passos:
1. Peneire o óleo para retirar os resíduos e impurezas;
2. Aqueça o óleo sem deixar ferver;
3. Use luvas e adicione soda cáustica (350ml para cada litro de óleo)
 – Muito cuidado com o manuseio da soda cáustica que é altamente corrosiva e tóxica -
4. Para dar perfume ao sabão, adicione 1ml de aromatizante ou amaciante.
5. Mexa lentamente durante 20 minutos;
6. Deixe descansar por um dia se for cortar em barras;
Após uma semana o sabão está pronto para ser usado.

sábado, 14 de setembro de 2013

Sul-Coreanos criam garrafa que transforma água do mar em água potável

transformar-agua-do-mar-em-agua-potavelA Água é um dos recursos mais importantes e essenciais à vida, ela constitui cerca de 70% do nosso corpo, e podemos sobreviver apenas cerca de cinco dias sem ela. Ao longo dos séculos diversos marinheiros e tripulações morreram de sede por falta de água potável em pleno mar, trágico não é mesmo?
Pesquisadores sul-coreanos da universidade de Yonsei, Younsun Kim, Kangkyung Lee, Byungsoo Kim e Minji Kim, desenvolveram uma garrafa dotada de um sistema de purificação portátil que é capaz de dessalinizar água do mar, transformando-a em água potável. A tal garrafa foi batizada de Puri e atua pelo processo de osmose reversa para purificar a água do mar.
O foco do equipamento é a utilização em embarcações, e em emergências em alto mar, quando obter água potável é diferença entre viver ou morrer. De acordo com a Fast Company, o uso da garrada é bastante simples, o usuário precisa apenas bombear a água no embolo, dispositivo que desliza no interior de um cilindro, e pressurizar a água salgada, empurrando-a em uma câmara que efetua sua filtragem.

O equipamento por ser novo pode trazer inseguranças quanto ao seu uso, pois ainda não foi usada em real emergência, porém se se for tão funcional quanto andam divulgando, temos aí um incrível produto de muitíssima importância.

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

Garrafas pet viram lindos pinguins

Pessoal olha que legal a ideia, é uma forma de reaproveitarmos as pets e enfeitarmos a casa!


Você pode deixar solta (não colar) o fundo da  pet (no caso a touca do pinguim), e usa-lo como porta trecos, olha que maneiro.
Se você tem ideias como essas, mande para nosso blog!